5 de out de 2009

Viver de amar, amar para viver

Recolho suas lágrimas em meus lábios,
sei que sofre pela luta dos contrários,
mas não existe nada mais sábio
do que ouvir esse sentimento extraordinário,
pois no final o único solitário
é quem dele escolheu ser exilado.

Claro que a vida continua seu traçado,
mas dela o viço é apartado,
quando não temos todo o colorido
de um beijo enternecido
no final de tarde de um Domingo.

E da para viver sem amar,
mas muito melhor é contigo estar,
o seu rosto em paixão acariciar,
no seu colo poemas dizer
amar para, bem melhor, viver!

( Para Cristiane)

Nenhum comentário:

Postar um comentário